sábado, 3 de março de 2018

Imaginando a IF do ex-blogueiro ROVER

Para os novatos na blogosfera, há muito, muito tempo atrás (nem tanto tempo assim na verdade, é só pra dar uma dramatizada) existia o blog Projeto Free Lifestyle, do agora Ex-Blogueiro Rover.

Junto do blog do Corey, do AdP, do UÓ, do Pobreta, do Troll, do Soul Surfer, dentre outros, o Rover era um dos blogueiros mais lidos da blogosfera de finanças brasileira.

Seus posts falavam muito sobre viagens, fotografias, livros, planos de imigração e detonavam bonobos brasiliensis, Social Justice Warriors, consumistas, socialistas, comunistas, globalistas, feministas e outros istas chatos. Não é difícil imaginar que ele atraia tantos fãs como haters.

Por volta de novembro de 2016, Rover anunciou que vendera a sua empresa, em São Paulo, tinha atingido a tão sonhada, perseguida, desejada e idolatrada Independência Financeira e que passaria mais alguns meses no Brasil resolvendo algumas pendências antes de decidir fugir desse "campo de concentração sem grades", como ele carinhosamente chamava o nosso Bananil.

Após apagar todos os seus posts, escrevera um último post de despedida, onde dizia que o seu destino seria os Estados Unidos caso o Donald Trump saísse vitorioso das eleições de 2016. Caso Fosse a Killary Hillary, ele iria estudar outras opções.

Como bem sabemos, Trumpão da massa venceu o pleito Yankee.

Trumpão da massa
Ta tudo certo Rover, SÓ VEM!
Então, imaginemos como estará o nosso amigo Rover, que supomos que está Livin' The Dream da Independência Financeira.

Blogueiro Rover metendo o pé do Brasil
Rover indo embora do Brasil
===

Com seu estilo de viajante, Rover está constantemente com o pé na estrada. Já conheceu dezenas de cidades americanas, sempre com um carrão possante (alugado, claro) para aproveitar as excelentes estradas do Império do Mal Americano.

Apesar disso, fixou residência em San Antonio, Texas, a segunda maior cidade do Estado. Ele escolheu esta cidade por ser um local cosmopolita, que recebe bem imigrantes latinos (na verdade, foi formada em grande parte por estes), tem economia forte e é um local seguro, pois o porte de armas é liberado, ou seja, é um lugar onde os esquerdistas que tanto despreza não colocariam o pé. It's a perfect place for Rover.

texas guns

Como não pretendia casar, a sua namorada não aceitou deixar para trás seu emprego, família e o Brasil, e tiveram que terminar, o que deixou-lhe triste, porém seus objetivos sempre vieram à frente de seus relacionamentos, isso sempre foi muito claro em sua cabeça, e seguiu em frente.

A família de Rover ainda está no Brasil, mas pretende viajar para ficar 3 meses morando nos EUA para ir se adaptando. Rover acredita que com a sua empresa dando certo, ele conseguirá trazer a sua família para morar nos EUA e fugir de São Paulo.

Em seu pouco tempo na América (na verdade, neste mês fará um ano que ele vive o sonho da IF), Rover teve um caso com uma linda venezuelana que imigrou de seu país ainda durante o (des)governo Chavez. Ela trabalha como barista perto do apartamento que Rover aluga em San Antonio.

Bonita, inteligente e cheias de histórias (tristes) para contar de seu país natal, a conexão foi rápida e o sexo muito bom. No entanto, ela não podia largar o emprego e a família e Rover não podia largar seus sonhos. Foi bom enquanto durou. Pé na Estrada.

venezuelan women are beautiful
A namoradinha venezuelana do Rover era mais ou menos assim
Rover está sempre conhecendo pessoas novas, vivendo novas situações e praticando fotografia, e isso o deixa feliz. Certa vez, quando estava de passagem pelo interior do Texas, teve a oportunidade de ver uma roda de violões country. Achou lindo e se lamentou por não saber nenhuma daqueles músicas para tocar junto dos sertanejos texanos.

Rover está adorando viajar, mas sente a vontade de voltar a empreender. Assim, colocará mais alguns milhões na sua conta bancária, gerará empregos para americanos e imigrantes de diversas partes do mundo (menos de muçulmanos, pois tem medo que possam ser terroristas ou apoiadores da jihad) e poderá trazer a sua família (pai, mãe e irmãos) para morar em um país civilizado e desenvolvido, coisa que ele não acredita que o Brasil será, não pelo menos nos próximos 40, 50 anos.

Rover feliz da vida viajando
Rover feliz da vida viajando pelas estrada, ou melhor dizendo, tapetes do império do mal Ianque!
Rover está feliz, completo e pleno e, em breve, retornará a escreve em seu blog para contar aos Guerreiros da Independência Financeira como está sendo a vida pós-IF em um país decente.

Pretende lançar um livro sobre empreendedorismo pé-no-chão, uma maneira de ajudar outras pessoas a terem sucesso financeiro e poderem sair do Brasil, caso assim o queiram.

Essas serão as suas pequenas contribuições para um mundo melhor.

Por enquanto.

San Antonio Riverwalk Christimas 2017
San Antonio Riverwalk durante o natal de 2017, o primeiro natal do Rover nos EUA
===

Aviso aos burros: Essa é uma obra de ficção, com intuito de entretenimento, em que (quase) nada condiz com a realidade. Não tenho contato com o Rover. Se você se sentiu ofendido com alguma coisa que eu escrevi, problema é seu. Freedom of Speech, bitches!

14 comentários:

  1. Bem legal seu post, MIN!

    Realmente, a IF dele deve estar bem prazerosa. Passar algum tempo da sua vida viajando deve ser muito bom.

    Abs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, EC!

      Disse bem, algum tempo, porque uma hora creio eu que deva enjoar. Ou não!

      Excluir
  2. Ficou muito boa a ficção!

    ResponderExcluir
  3. Legal, MIN. A história ficou bacana kkk

    infelizmente não conheci esse blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lamento por todos que não puderam acompanhar seus posts, eram muito bons! Pena que ele apagou tudo.

      Excluir
  4. Ahhhhh o saudoso Rover!!! Ser humano sensacional.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, Mestre! Queria que ele aparecesse de vez em quando pra dizer como vai a vida de alforriado, por isso criei essa "fanfic", hehehe!

      Excluir
  5. Não conheci esse cara, mas já na metade do texto eu tava começando a acreditar...

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  7. Ficção ou não terei essa vida ou morrerei tentando!
    Já larguei o Brasil p fazer o pé de meia no exterior, já dei um pé na bunda da minha esposa que além de me trair só trazia gastos e já defini uma data pra dar o pé na bunda do meu patrão.
    Mais 437 dias espero poder escrever uma história parecida com a do Rover, mas que não seja ficção.

    Sr. IF365

    Blog IF365 | Acompanhe meus últimos 365 dias antes da IF e Aposentadoria Antecipada
    https://srif365.wixsite.com/if365

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amigo, li seu blog, mas não vi onde você mora. Você divulgou essa informação?

      Excluir
  8. que imaginação, hein! hahahahahah

    já tinha ouvido falar muito desse mito nos outros blogs, uma pena que cheguei tarde pra ler na íntegra.

    Agora fico imaginando como seria a IF de outras lendas como Pobretão, Zé Mobral e Roger da Cidadezinha...
    Daria até um filme!

    ResponderExcluir